Destaque:
Procure por Tag:

Como expandir sua criatividade

1/10
Please reload

Macacão: do esporte ao chic, em alta no verão 2016.

03/11/2015

Houve tempo em que o macacão era só uniforme de mecânico, operário, frentista, piloto ou roupinha de bebê… Mas isso foi só até lá, os idos dos anos 50. Na década de 60, os hippies já vestiam as jardineiras de forma divertida e foi nos anos 70, o boom de sucesso da peça, no guarda-roupa feminino. De lá pra cá, os macacões nunca mais desapareceram. O crepe de seda, as malhas e a viscose com elastano, entre outros, reinventaram caimentos cada vez mais femininos, e agradaram de tal forma que, acompanhado de um belo cinto, um belo colar de pérolas e acessórios de acordo, um macacão bem recortado, passou a ser tãochic quanto um vestido longo, para quase toda a situação.

No meu guarda-roupa, cabem vários… de cores e modelos variados. E cá pra nós… Como eles facilitam a vida, não? Se for preto, então, são dois terços de tempo a menos, para a gente pensar em como compor o modelito e ficar pronta rapidinho.

E quando a gente vê a tendência voltando forte nas semanas internacionais de moda, fica até mais gostoso de usar, sabendo que a “nossa escolha” é fashion outra vez.

 

Fashionistas, modelos, celebridades, e a moda das ruas que acompanha essas tendências e lançamentos, vêm trazendo de volta a peça única que tanto nos facilita e nos encanta – tanto as bem modeladas como as mais amplas, de novo as jardineiras em tecidos leves, os macaquinhos  em jeans, em couro ou camurça… Tem para quase todos os gostos!

 

O macacão branco pode ser uma das grandes estrelas do Verão 2016 por três simples motivos: branco é uma das principais cores da estação, como vimos na última SPFW; o macacão é uma peça que já tem seu lugar reservado no verão brasileiro; e quando você une a peça com a cor, o resultado é uma das roupas mais buscadas em seis bilhões de pesquisas realizadas no Google nos EUA. Sabia disso? Pois acredite!

 

Eu confesso que me rendo à praticidade e ao conforto da peça única que também pode ter leveza, transparências e fendas. Chamados pelos editores internacionais de fashion overalls, jumpsuits ou boiler suits, não interessa o idioma e nem o clima, o fato mágico é que os macacões se adaptam. Do mais esportivo ao mais chic, eles se impõem visualmente! Ainda mais se forem estampados…

 

 Hanelli Mustaparta usando macacão Gambia na chegada ao desfile da Givenchy na NYFW Verão 2016

 

Brilhos e cores fortes podem reforçar um certo ar de gala e algumas das nossas famosas que já desfilaram com alguns, também confessam ser fãs de um macacão-noite, estilo “cheguei para marcar”!

 

Fernanda Lima é uma que confessa: “Adoro!”

 

Ivete Sangalo arrasou com esse royal no Prêmio Multishow: outra adepta

 

Além do preto, do branco, do nude e alguns em tons pastéis – que são meus favoritos - de vez em quando eu também encaro um vermelho. Gosto de combiná-lo com acessórios mais apagados.

 

E já que ele vai estar na sua vida e na moda, num eterno vai-e-vem, aqui vão algumas dicas básicas para você valorizar o seu corpo com  o macacão… e usá-lo a seu favor:

-Não se esqueçam de escolher a calcinha correta para não marcar o tecido, ok? Roupas claras pedem calcinhas cor da pele. Opte por modelos sem costura e sem elástico assim não apertam e nem marcam.

-As barras devem cobrir o sapato, mas jamais arrastar pelo chão!

-Abusem dos acessórios, eles têm um poder incrível de mudar o visual de qualquer look! Cintos, lenços, maxi colares, maxi brincos, braceletes poderosos etc.

-Combinem o macacão com colete, blazer, jaqueta de couro ou tricô, fica ótimo. Mas neste caso, troque o calçado.

 

O macacão pode ser usado por mulheres dos mais variados biotipos, só precisando ter o cuidado de escolher a modelagem que mais se adequada a seu corpo.

As mais cheinhas prefiram as peças em tons mais escuros e estruturadas. Lembrem que tecidos fininhos podem marcar e aumentar ainda mais a silhueta. A dica é escolher um macacão com modelagem mais reta para as pernas e mais folgadinho no corpo. Escolham as cores mais escuras e lisas e as estampas na vertical ou estampas pequenas e com cor de fundo mais neutros.

 

Na parte de cima procure alças mais largas, explore o colo com modelos tomara que caia ou decote em V, o look ganha charme e sensualidade. Se o modelo é solto na cintura experimente combinar com um cinto na parte mais fina do seu tronco ou logo abaixo dos seios. Cuidado com modelos que agarram as pernas, eles podem destruir sua elegância! Procure por pernas longas e soltas, como as da calça pantalona, mas sem exagero.

Evite bolsos e pregas: eles aumentam o volume. Escolha o tamanho certo, nada de modelos maiores, pois as sobras de tecido aumentarão a silhueta.

 

Ah…Sim! E aquela jardineira jeans que você tem guardada no fundo do armário já está reconvocada, também. Se o denin for mais escuro, melhor ainda, é tendência forte. Mas se for lavado, é melhor destruí-lo um pouquinho mais, pra apostar num look mais grunge. E para compor, camisas brancas ou T-shirts divertidas.

 

matéria do site: www.fabianascaranzi.com.br

 

Tags:

Please reload