Destaque:
Procure por Tag:

Como expandir sua criatividade

1/10
Please reload

Carboidratos x Proteínas

CARBOIDRATOS OU PROTEÍNAS: QUAL A MELHOR OPÇÃO?

Na hora de fazer uma dieta ou uma reeducação alimentar, muitas pessoas não sabem o que fazer com os carboidratos e com as proteínas, seja qual for o objetivo delas: ganhar massa magra, perder gordura localizada ou perder massa gorda. Neste sentido, é importante saber o que exatamente são os carboidratos e as proteínas, além dos horários mais recomendados para o consumo de cada grupo. Desta forma, você alia as suas atividades físicas com um cardápio saudável, pois a alimentação é importante para o cumprimento dos objetivos desejados. O que são e quais diferenças entre os carboidratos e as proteínas?

 

CARBOIDRATOS

Os carboidratos são alimentos essenciais para o cérebro e o sangue, pois oferecem energia para encarar o dia-a-dia e os exercícios físicos. O excesso de carboidratos pode provocar o ganho de peso e o aumento de gordura localizada, ao passo que a ausência de carboidratos pode causar problemas de saúde.

O ideal é dividir as suas refeições diárias em porções de carboidratos, gorduras e proteínas, tomando cuidado com os produtos industrializados que possuem excesso de açúcar, componentes químicos, gordura ruim e sal. Como na parte da manhã o metabolismo é mais acelerado, facilitando a digestão, o café da manhã é ideal para se consumir carboidratos, ao contrário do jantar. Recomenda-se dividir o seu cardápio em 60% de carboidratos, de 15% de gordura boa e 25% de proteínas. Então, você não precisa abrir mão de um chocolate, por exemplo. Basta consumir apenas um pequeno tablete ao invés de uma barra inteira.

 

São carboidratos alimentos, como, por exemplo, o arroz, a batata, o cereal, o doce, a fruta, o legume, a massa, o pão, o salgado e a tapioca. Estes produtos fazem você engordar durante o jantar, por causa da digestão praticamente parada durante o sono, mas durante o café da manhã te dão energia para enfrentar a sua rotina diária. A falta de carboidratos implica em sintomas como o estresse, a fadiga, a falha de memória, a fome, a fraqueza, o mal-estar e a tontura. Quem precisa ganhar massa magra deve seguir esta regra, assim como quem quer perder massa gorda.

 

PROTEÍNAS

As proteínas, por sua vez, são alimentos essenciais para os músculos e para o organismo, pois oferecem força, melhorando a defesa, a memória e o metabolismo. Diferentemente dos carboidratos, as proteínas não são digeridas pelo organismo e caem diretamente nos músculos, na pele, nos fios de cabelo e no sangue.

Mas, então o que acontece especificamente com as proteínas? Após serem ingeridas, elas são absorvidas e se transformam em aminoácidos essenciais, que são importantes para o funcionamento de todo o corpo. O ideal é dividir as suas refeições diárias em 60% de carboidratos, 15% de gordura boa e 25% de proteínas, o que fará com que você não coma proteínas de menos nem demais. Geralmente, as proteínas são consumidas durante a noite, antes e depois do exercício físico, de modo que você não ganhe as calorias que acabou de perder, com a função de oferecer saciedade até o dia seguinte.

São proteínas alimentos, como, por exemplo, a carne, a ervilha, a lentilha, a salada, o feijão, o frango, o iogurte, o leite, o peixe, o ovo, o queijo, o milho, o shake, os frutos do mar e os grãos. Estes produtos são importantes para serem consumidos, não apenas no jantar, mas em todas as refeições, além do pré-treino e do pós-treino, na porcentagem recomendada mais acima. A falta de proteínas incorre na queda de cabelo, na falta de digestão, na lentidão do sistema nervoso e na fraqueza muscular. Vale lembrar que alguns alimentos proteicos são ricos em gordura, que, em excesso, podem te fazer engordar também.

 

matéria do site www.patricinhaesperta.com.br

Tags:

Please reload